Notícias

Consultoria Lean Office aumenta a produtividade e reduz desperdícios

Lean Office IST 30.4

Uma alteração no processo administrativo ou na organização de um escritório pode ter impacto significativo na produtividade. Seis empresas de construção civil confirmaram isso na prática. Elas foram atendidas durante três meses pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial do Distrito Federal (Senai-DF) na consultoria Lean Office, realizada em parceria com o Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinduscon-DF) e com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no DF (Sebrae-DF).

A consultoria é executada pelo Instituto Senai de Tecnologia em Construção Civil (IST). O objetivo é tornar os processos administrativos mais enxutos, as tarefas mais ágeis e efetivas, eliminando os desperdícios, mapeando os processos e usando ferramentas que ajudam a obter os resultados esperados.

No fim de abril, as empresas Foco Consult, Kali Engenharia, Origem Energia Eficiente, Prime Projetos, Síntese Acústica Arquitetônica e Smartly Energia Sustentável reuniram-se para apresentar a evolução umas às outras. Todas passaram pelas mesmas etapas de capacitação e diagnóstico, planejamento, mapeamento, implantação, apresentação e aplicação. “Nós conseguimos uma redução de tempo de processamento de 59,9%, mas é importante dizer que se trata de um processo de melhoria contínua. Sei que todas essas empresas são capazes de seguir com a filosofia que a gente iniciou”, explicou Lorena Tahan, consultora do IST, no encontro que marcou o encerramento do trabalho.

A palavra em inglês lean significa enxuto. A filosofia de gestão de longo prazo busca aperfeiçoar processos, criando padrões de trabalho capazes de reduzir e de eliminar os desperdícios. E foi exatamente isso que Danilo Santos, diretor da Prime Projetos, percebeu ao fim da consultoria. “Tivemos uma redução expressiva de atividades, de 33 para 13. Diminuímos o tempo para encontrar e alocar informações do projeto, já sentimos a redução no retrabalho de alguns desenhos e uma melhora sensível no processo de tomada de decisão, além de termos aumentado a liberdade criativa para a equipe de engenharia. Acho que conseguimos avançar bastante, tinha muita coisa que fazíamos e não precisava”, afirmou.

Todos os participantes manifestaram a vontade de continuar trabalhando com a filosofia lean. “Não há nada tão bom que não possa ser mais enxuto. A gente percebeu que as pessoas são capazes de fazer mais. Implantamos com sucesso alguns conceitos. Se deixar, a rotina passa o trator e acaba com o lean. A gente pretende continuar adotando a filosofia em outros processos”, acrescentou Victor Cortopassi, gerente de projetos da Kali Engenharia.

Para conhecer e contratar as consultorias oferecidas pelo IST-DF, entre em contato com o SAC do Sistema Fibra pelo telefone: (61) 4042-6565.

Veja aqui a galeria de imagens.

Texto: Aline Roriz
Foto: Moacir Evangelista/Sistema Fibra
Assessoria de Comunicação do Sistema Fibra