Instrutores e alunos do Senai promovem ações comunitárias

Três equipes de instrutores e alunos do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial do Distrito Federal (Senai-DF) estão se mobilizando e desenvolvendo projetos em benefício de suas respectivas comunidades. Elas participam do Circuito SIS (Senai, Indústria, Sociedade) e vão utilizar o conhecimento inovador da educação profissional e da indústria brasileira para ajudar as pessoas. São duas equipes do Gama e uma de Taguatinga. A iniciativa é do departamento nacional.

O objetivo do Circuito SIS é impulsionar a participação da comunidade escolar no desenvolvimento de projetos colaborativos e transdisciplinares. As soluções dos projetos podem abranger diferentes circunstâncias que envolvam a realidade local, desde que permitam aos instrutores e alunos utilizarem suas competências profissionais e que requeiram a participação da indústria.

Um dos projetos do Gama é o Curto Cabelo Curto, para conscientizar a população em geral e beneficiar pessoas em tratamento contra o câncer. O evento, com informações, orientações e atrações para a comunidade, será em 30 de maio, das 14h às 17h30, nas instalações da escola. Haverá palestras sobre diagnóstico, tratamento e autoexame do câncer de mama, estande com informações sobre a saúde feminina, espaço zen (momentos de relaxamento e instrução emocional), estande de produção de perucas e de amarração de lenços e oficinas de arte e criatividade para crianças.

Já o projeto Sistema de Sinalização Humanizada do Hospital do Gama tem o objetivo de contribuir para que o ambiente do hospital regional da região administrativa fique mais receptivo a pacientes e acompanhantes. O grupo percebeu desgastes da pintura, problemas de acessibilidade e falta de padronização da sinalização das placas informativas em algumas áreas como o pronto socorro adulto. A equipe sugeriu à direção do hospital criação de identidade visual, de mapa de localização e de ícones para pessoas com dificuldade de leitura.

O Senai Taguatinga formou uma equipe denominada Max Creators para o desenvolvimento do projeto Ecolab, na unidade 2 da Fábrica Social na Cidade do Automóvel. A Fábrica Social é um programa do governo local que qualifica pessoas em situação de vulnerabilidade para que tenham condições de empreender e, assim, conquistem autonomia econômica. O objetivo do Ecolab é a capacitação de mão de obra para confecção de peças utilizando produtos recicláveis, como pneus, garrafas PET e retalhos, de acordo com as temáticas de gestão, meio ambiente, design e vestuário.

Os projetos executados por todos os departamentos regionais do País serão analisados por meio de apresentações, vídeos e fotos. As três equipes mais bem avaliadas serão premiadas durante a 4ª Jornada Pedagógica de Educação Profissional e Tecnológica, em julho.

[ATUALIZAÇÃO: 27/5 às 10h20 – Alteração das informações a respeito de quais as atividades serão desenvolvidas no Hospital Regional do Gama e em relação a capacitação da Fábrica Social.]

Texto: Aline Roriz
Foto: Joel Rodrigues/Agência Brasília – 5/2/19
Assessoria de Comunicação do Sistema Fibra

Pesquisar

BOTAO SITE PARA OC

BANNER LATERAL IST

 Banner Unidades GAMA

Banner Unidades SOBRADINHO

Banner Unidades TAGUATINGA